Novos guidelines NICE para melhorar a Saúde Mental no Trabalho

Friday, 6 November 2009


O National Institute for Health and Clinical Excellence (NICE) divulgou ontem um guia para empregadores sobre como promover o bem estar mental no ambiente de trabalho através de condições saudáveis e produtivas. O guia tem por finalidade reduzir os 13,7 milhões de dias de trabalho perdidos no Reino Unido (RU) no ano passado por problemas relacionados à saúde mental, como o estresse, depressão, e ansiedade.

O novo guia da NICE enfoca como empregadores e empregados podem trabalhar em parceria para promover o bem estar mental ao tomar uma atitude positiva através de mudanças no dia a dia do trabalho, melhorias na linha de gestão e promovendo flexibilidade, onde apropriado.

Recomendações para empregadores de organizações de qualquer tamanho incluem:
  • promover a cultura da partipação, equalidade e justiça, que é baseada em comunicação aberta e inclusão
  • criar uma consciência e entendimento do bem estar mental e reduzir potencial para discriminação e estigma relacionados à doenças mentais
  • certificar-se de que existem sistemas para avaliar e monitorar o bem estar mental dos empregados, para que áreas de melhorias sejam identificadas e riscos causados pelo trabalho ou condições de trabalho sejam resolvidos. Este item pode envolver a utilização de pesquisas de atitude dos empregados e informação sobre taxas de absentismo, turnover da equipe e investimento em treinamento e desenvolviment, promovendo feedbak e comunicação ampla.
  • Se prático, prover oportunidades aos empregados de condições de trabalho flexíveis, de acordo com suas necessidades e aspirações, tanto nas dimensões pessoais e trabalhistas de suas vidas. Diferentes opções para flexibilidade no trabalho incluem, part-time (meio período), trabalho de casa, partilhar um posto de trabalho e horários flexíveis.
  • Estreitar o papel de gerentes de linha na promoção do bem estar mental dos empregados através de práticas de gerência e estilos de liderança que dêem suporte aos empregados.

Recomendações à profissionais que trabalham no campo de saúde ocupacional e\ou programas nacionais de iniciativas:

  • colaborar com micro, pequenas e médias empresas e oferecer conselhos, serviços e suporte. Isso pode incluir acesso a serviços de saúde ocupacional (incluindo aconselhamento de suporte e treinamento no manejo do estresse)

Leia mais: guideline completo na página da NICE

Posted by Vanessa Marsden at 04:30  

0 comments:

Post a Comment