Rascunho do DSM-V

Tuesday, 16 February 2010

O "rascunho" do DSM-5 finalmente está disponível e algumas mudanças já podem ser discutidas. De acordo com sites especializados, as principais alterações propostas foram:
  • Ninguém mais vai ter Síndrome de Asperger - todos passam agora a ter um transtorno do espectro autista.
  • Os transtornos de personalidade também foram modificados. No lugar dos transtornos surge 5 tipos de Tipos de Transtorno de Personalidades, que um indivíduo pode apresentar em graus variáveis e 6 Traços de Personalidade, cada um também em graus variáveis.
  • Transtorno do Desejo Sexual Hipoativo - vai ser substituído pelo Transtorno do Interesse e Resposta Sexual
  • Transtorno do Comer Compulsivo, Transtorno da Hipersexualidade e Dependência de Jogos de Azar entraram na nova edição.
Grandes mudanças ocorrem também nos "Eixos" do DSM. Se antes utilizávamos Eixo I para os transtornos mentais, Eixo II para transtornos de personalidade e Eixo III para condições médicas, agora passaremos a utilizar apenas um Eixo. Críticos acreditam que isso terá muito pouco efeito prático.

"Avaliações dimensionais" entraram na nova edição, mas de forma limitada. Há muito que os psiquiatras debatem que a classificação categorial da esquizofrenia, transtorno bipolar e depressão é simplista. Os diagnósticos categoriais continuam na nova edição (com exceção dos Transtornos de Personalidade). Entretanto, avaliações dimensionais foram propostas para complementar o diagnóstico.

Por último, o conceito de "doença mental" está a ser redefinido no DSM-V. Os critérios são (mantive em inglês):

Features


A. A behavioral or psychological syndrome or pattern that occurs in an individual

B. The consequences of which are clinically significant distress (e.g., a painful symptom) or disability (i.e., impairment in one or more important areas of functioning)

C. Must not be merely an expectable response to common stressors and losses (for example, the loss of a loved one) or a culturally sanctioned response to a particular event (for example, trance states in religious rituals)

D. That reflects an underlying psychobiological dysfunction

E. That is not primarily a result of social deviance or conflicts with society

Other Considerations

F. That has diagnostic validity on the basis of various diagnostic validators (e.g., prognostic significance, psychobiological disruption, response to treatment)

G. That has clinical utility (for example, contributes to better conceptualization of diagnoses, or to better assessment and treatment)

H. No definition perfectly specifies precise boundaries for the concept of either “medical disorder” or "mental/psychiatric disorder”

I. Diagnostic validators and clinical utility should help differentiate a disorder from diagnostic “nearest neighbors”

J. When considering whether to add a mental/psychiatric condition to the nomenclature, or delete a mental/psychiatric condition from the nomenclature, potential benefits (for example, provide better patient care, stimulate new research) should outweigh potential harms (for example, hurt particular individuals, be subject to misuse)

A principal mudança é que agora o DSM-V foi "psicologizado". Antes os critérios eram mais sobre "disfunção comportamental, psicológica ou biológica". Ao tentar fazer com que diagnósticos sejam "conciliadores" (item J) o DSM-V abriu caminho para os críticos, que já agora escrevem nos diversos meios que diagnósticos devem ser honestos e verdadeiros (replicabilidade????) e não servir para ajudar ou conciliar. Está aberta a temporada de caça aos critérios propostos...

Referências:
DSM-5: The Future of Psychiatric Diagnosis
Mind Hacks
Neuroskeptic
POINT/COUNTERPOINT: Progress v. Politics

Foto: http://1.bp.blogspot.com/_Jrt9PxI8-F4/R82P_SC4ytI/AAAAAAAABE8/aKDeaad5GyU/s400/DSMV.gif

Posted by Vanessa Marsden at 23:57  

3 comments:

Oi, não conheces nenhum link em português que fale sobre isto http://www.dsm5.org/ProposedRevisions/Pages/proposedrevision.aspx?rid=17 ?

Exahmia said...
17 February 2010 at 07:45  

Ola Exahmia.

O rascunho do DSM-V ainda é muito novo e as pessoas começaram a escrever sobre as alterações. Ainda não sei de nenhuma discussão sobre o assunto em português, mas vou ficar de olho e se encontrar algo lhe aviso.

Abracos

Vanessa Marsden said...
17 February 2010 at 08:16  

Obrigada, vou estar atenta :)
Se entretanto encontrares e eu não responder aqui, por favor diz qualquer coisa no meu blog ou para exahmia@gmail.com

Exahmia said...
17 February 2010 at 09:55  

Post a Comment